Quando

– Tem alguma coisa errada.
– É eu sei.
– Eu sinto que esta apertado aqui.
– Sufocado?
– Sim.
– Falta algo.
– Falta mesmo.

É tudo tão diferente agora, eu não entendo mais, não sei o que aconteceu, não sei quando.
Sou eu? Talvez.

Estou cansado, é verdade.
Motivo para desistir? Talvez.

Me falta o pique, a vontade, essa tal de motivação.
Não sei, só queria que isso acabasse logo.

– O vazio também sufoca, as vezes, ocupa mais espaço.
– Está ocupando espaço demais.
– Está.

Eu sou diferente, penso diferente, faço diferente, mas esta tudo errado.
Estou sempre errado.

Eu não sou daqui, sou de outro lugar, sou para outro lugar.
Estou aqui por engano, mais um erro meu.

– Está sentindo pulsar?
– Pulsa.
– Devagar?
– Lento, como se estivesse prestes a parar.
– Vai parar.

– Quando?

Paz

Paz

Pra mim, paz, é poder sorrir sem ter vergonha de explicar o por quê.

É poder olhar nos seus olhos e perceber que você esta feliz.

É chegar ao fim da noite e dormir sem culpa.

Me desculpe, eu não quero incomodar.

Só quero um pouco dessa paz

Prioridade

Prioridade.

Eu tenho as minhas.

Quero ser a sua.

Não sou egoísta, nem quero ser injusto.

Eu quero um cantinho pra mim, um lugar seguro, onde eu possa repousar nas horas de desespero, e me aconchegar nos momentos felizes.

Perturbador

Não sei o que esta acontecendo.

Por que desse frio perturbador.

Insônia.

Cabeça cheia, peito vazio.

Magoas inventadas.

Talvez não.

Ausência sentida em balões de ar gelado, que enchem meu peito de dor.

A lágrima esta aqui, mas não escorre pelo meu rosto.

Melhor assim.

Em silêncio.

Eu sei, é perturbador.

Imperfeito

Às vezes eu não sei no que pensar, essa sensação familiar de que tudo esta prestes a desabar me entristece, se é para cair, que caia logo então, eu não sou feito de aço, não tenho coração de pedra.
Eu sou humano, e por isso, imperfeito…

Ah o amor, sempre o amor!

O amor não espera troca.
É um sentimento impar.
Só vai.
Você ama, mesmo sem ser amado.
E sofre, por amar, e não ser correspondido.

O amor tem várias caras, jeitos e manias.
As vezes se ama de um jeito, e se é amado de outro.

O amor de verdade não deve doer.
Só dói quando se espera algo em troca.

O pai não espera nada do filho para amá-lo.
Só o ama.

O ama, mesmo antes de o filho poder lhe dar algo em troca.

Eu te amo, se você me amar.
Eu te amarei se você parar de fumar.
Eu te amo PORQUE você me ama.
Eu te amo PORQUE você me faz feliz.
Eu te amo PORQUE você é linda.
Eu te amo PORQUE com você tudo é perfeito.

Se tem PORQUE, se é necessário explicar, não pode ser amor.

Eu te amo, PORQUE eu te amo.

Sei lá.

Discutir esse sentimento é sempre complicado.
Amanhã posso até mudar de idéia.
Mas ele vai continuar sendo amor.

Incondicional e sem busca de troca.

Será?

Vontade de te ver

Quero mesmo te ver.
Bem de perto.
Como quando eu fico olhando pra você quando estamos juntos.
Sentir o coração acelerar de novo.
Arrepios…
Sentir as mãos geladas…
Te olhar de novo.
E não saber o que falar.

E sorrir, esperançoso, esperando você sorrir também.